Dona Benta

A História da Dona Benta

Apesar de toda esta tradição, a Dona Benta nunca deixou de inovar:

Foi a primeira marca a vender farinha de trigo em embalagem transparente.

Assim, as consumidoras poderiam ver o produto fresquinho e gostoso já no ponto-de-venda.

Fez a primeira farinha com fermento

Uma novidade que descomplicava a vida na cozinha e, assim, atendia aos pedidos das consumidoras modernas, que queriam receitas mais fáceis, mas sem abrir mão do sabor mesmo na correria do dia a dia.

Quando lançou as misturas para bolo, a Dona Benta revolucionou de novo, com embalagens transparentes que ficam de pé nas prateleiras (stand up pouch), mais econômicas e fáceis de mexer, e criou também uma nova mistura de bolinhos de chuva, resgatando a receita que nasceu dos caderninhos de receita dos mestres-cucas mais apaixonados do mundo: a dona de casa brasileira.

Hoje, a marca Dona Benta atua em cinco tipos de mercado: farinhas, misturas para bolo, massas e fermentos e tem um mix composto por mais de 40 produtos.

Produtos

E, em tudo que faz, tem cada vez mais energia: está cheia de novidades fresquinhas e está pronta para escrever os próximos capítulos dessa história. Todos eles cheios de carinho.

Dona Benta Receita de Carinho

A Dona Benta cuida e participa das receitas de carinho nas famílias há quase 40 anos.

Tempo suficiente pra se tornar sinônimo de comida com sabor de verdade, daquelas que trazem aconchego e mais gente pra mesa. Hoje, é uma das marcas mais queridinhas do Brasil:

é líder de vendas em farinha de trigo e misturas para bolo.

Sua história já é contada há algum tempo, mas nunca perde o sabor: começou lá nos anos 70, quando uma das empresas de alimento mais importantes do Brasil, a J.Macêdo, criou uma marca para deixar a vida na cozinha mais gostosa. O tempo foi passando, Dona Benta foi crescendo e as consumidoras foram encontrando na Dona Benta

uma verdadeira amiga na cozinha, que entendia o que elas queriam e por isso estava sempre com alguma ideia nova para descomplicar a vida no fogão.

Ela sempre surpreendia, lançando produtos pra receitas de todo tipo – de bolos a massas, passando até pelos sabores tipicamente brasileiros, como do famoso bolinho de chuva.

Já naquele tempo, a Dona Benta tinha suas raízes tupiniquins bem fortes e vivas. A inspiração só crescia, vindo das deliciosas histórias de Monteiro Lobato e das receitas de dar água na boca do livro ‘Dona Benta Comer Bem’, um sucesso da época.

 

Curta nossa página no Facebook